Projeto Kony 2012 foi um falso viral?

No ano passado o projeto Kony 2012 ficou conhecido em várias partes do mundo. A ONG americana Invisible Childrens fez um vídeo contando sobre os crimes cometidos por Joseph Kony, um rebelde de Uganda, na África, que lidera o Exército de Resistência do Senhor (LRA é a sigla em inglês). O vídeo conta que Kony e seus seguidores violentavam crianças e faziam com que elas se tornassem parte do seu exército, obrigando-as até mesmo a matar os próprios pais.

Veja o vídeo:

O projeto Kony pretendia alcançar apoio de governos para que o criminoso Kony fosse capturado. No início do ano passado, a União Africana chegou a enviar tropas para o Sudão Sul, país onde militares acreditavam que Kony poderia estar. Os Estados Unidos também contribuiu enviando soldados para Uganda, para que eles ajudassem os militares locais, tentando conseguir informações estratégicas para ajudar na captura do criminoso.

Apesar da mobilização que o vídeo gerou, pois incentivava os internautas a repassarem aquele conteúdo aos seus amigos, não resultou em nada.  Muitas críticas foram feitas a ONG, já que o vídeo fazia parecer que o único responsável pelo tráfico humano no país era Kony, o que não é realidade.

Apesar de o vídeo mostrar uma história real, alguns críticos acreditam que tenha acontecido a manipulação de dados que foram mostrados. Para esses críticos, os números que são mencionados foram modificados para impactar quem os visse. Além disso, pouco tempo depois a causa foi esquecida e ninguém mais sabe se ainda está sendo feito algo contra o tráfico humano em Uganda e em outros países da África. Os ativistas virtuais que compartilharam o vídeo não conseguiram nada, a não ser perder o tempo que dedicaram a assistir tal história.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s